Policial militar e mais duas pessoas são presas suspeitas de triplo homicídio

0
Foto: Divulgação

Um policial militar e mais duas pessoas foram presas na Operação ‘Celerados’, realizada nesta sexta-feira (1º) pela Polícia Civil em Pontes e Lacerda a 483 km de Cuiabá.

Valdemir Araújo Prado, de 20 anos, Alex Farias de Oliveira, de 18 anos, e Fernando Magalhães, de 20 anos, foram executados em junho de 2018.Os três, segundo a polícia, tinham antecedentes criminais por furto e tráfico de drogas.

O tráfico de drogas seria um dos motivos do triplo homicídio.

O policial, que não teve o nome divulgado pela Polícia Civil ou pela Polícia Militar, e um segundo suspeito foram presos em Pontes e Lacerda. O terceiro suspeito, Leandro Oliveira da Silveira, foi preso em Vilhena (RO).

Os três são apontados como suspeitos dos assassinatos das vitimas. Os jovens foram mortos com tiros na cabeça. Os corpos das vítimas foram encontrados em uma estrada que dá acesso a uma chácara na BR-174.

Segundo a investigação, o alvo dos suspeitos era outra pessoa que morava na casa com as três vítimas em um bairro em Pontes e Lacerda.

Na noite do crime, os suspeitos teriam ido até o imóvel à procura dessa pessoa.

Como o alvo não foi encontrado, o policial e os outros suspeitos levaram as vítimas até a região rural e as executaram.

‘Celerado’ significa um indivíduo que é capaz cometer crimes, é um delinquente, malfeitor, homicida ou sicário. A Polícia Militar foi comunicada da prisão do policial, mas não comentou sobre o caso.

G1-MT

DEIXE SEU COMENTÁRIO